Candidatos a Governador – Paraná

Dando sequência nos nomes para candidatos ao nosso Governo, chega a hora dos Governadores dos estados. Neste post irei dedicar aos candidatos ao Governo do Paraná, por morar neste estado e votar no mesmo. Já digo de antemão que se for requisitado posso analisar as propostas de outros estados. Para isso faça seu comentário no final da publicação.

Alguns avisos sobre este post:

  1. Não colocarei propostas com erro de grafia.
  2. A forma de exposição é diferente em cada uma devido à organização das propostas dos próprios candidatos.
  3. Para ler o documento do Programa de Governo é só clicar no nome do candidato.

Relembro que o Intolerâncias Internacionais não é filiado a nenhum partido e não segue nenhuma ideologia política. Este post é meramente para divulgar as propostas oficiais ao cargo do Governo. 

No Paraná são dez os candidatos ao cargo de Governador, segue a lista na ordem do site DivulgaCandContas.

cand governador pr.png
No dia da consulta os únicos candidatos deferidos eram Cida Borghetti e Ratinho Junior. Este post será atualizado até que todas as candidaturas tenham sido julgadas.
  1. Cida Borghetti – Partido Progressista (PP)
    • Programas:

A) Bem Viver Paraná

Ações nas áreas de saúde, educação, habitação, esporte, cultura, lazer e todos os demais aspectos que dizem diretamente respeito à vida de todos aqueles que vivem no Paraná. O Bem Viver Paraná será um programa de ações que atenderá as pessoas em todas as fases da sua vida, desde antes mesmo do nascimento até à terceira idade, respeitando e valorizando as pessoas.

Alguns destaques neste programa:

  • Educação: “buscar alternativas para a viabilização da oferta de disciplinas não previstas na nova Base Nacional Comum Curricular, como Filosofia, Arte, Educação Física, entre outras.”; “reformular e reativar o PDE”; Núcleos Regionais com equipes de atendimento especializado; investimentos em tecnologias para possibilitar a conexão entre os estudantes locais com os de outros estados e países.
  • Segurança Social/Institucional: aumentar e reforçar programa governamental com foca na redução da pobreza e vulnerabilidade social.
  • Emprego e renda: utilizar-se dos mecanismos existentes para a capacitação e fortalecer a Agência Paraná de Desenvolvimento para atrair empresas e indústrias, parcerias para desenvolver a indústria 4.0.
  • Habitação: criar condomínios da Terceira  Idade,  organismos de financiamento para construção de moradias populares com todos os aparatos necessários, moradia digna sendo condição básica para a cidadania.

B) Cuidar Paraná

Ações nas áreas da Segurança Pública, do Meio Ambiente, dos Direitos Sociais, de trânsito, acessibilidade, prevenção de desastres e catástrofes. Neste pilar vamos assegurar aos paranaenses, não apenas o direito de viver, mas o direito à qualidade de vida, ao viver bem.

Alguns destaques deste programa:

  • Segurança pública – investir em tecnologia e parcerias para racionalizar custos e investimentos.
  • Segurança no trânsito – questão das licitações para concessões de rodovias, para que tenham obrigações mais severas e que tornem as tarifas mais justas ampliando os benefícios para os usuários.
  • Meio ambiente – fortalecer o Instituto Ambiental do Paraná, investir em tecnologia para reduzir a burocracia e agilizar o processo, melhorar a gestão das unidades de conservação estaduais.

C) Valor Paraná

Ações focadas na valorização das nossas potencialidades e na agregação de valor das nossas atividades, daquilo que fazemos e produzimos. Vamos tornar o estado mais competitivo na agricultura, no cooperativismo, na indústria e no comércio, fortalecer a construção civil e incentivar o turismo e os serviços, com uma atenção muito especial ao estímulo ao empreendedorismo e às microempresas. Vamos investir na capacitação profissional preparando nossos trabalhadores para a nova era da economia digital e da indústria 4.0.

Alguns destaques deste programa:

  • Agricultura familiar e Agronegócio – Instituir o Conselho Técnico do Agronegócio Paranaense, estimular a agregação de valor aos produtos agroalimentares regionais, através do cooperativismo, associativismo e das agroindústrias familiares e coletivas.
  • Indústria e Comércio – rever questões de crédito e financiamento visando uma maior agilidade e menor burocracia nas demandas das empresas, reeditar o programa Paraná Competitivo e fortalecer o Conselho de Desenvolvimento Econômico.

D) Infraestrutura Paraná

Ações e programas de governo que definem as estratégias e apontam as necessidades de investimentos que deverão ser iniciados e/ou concluídos entre 2019 e 2022 e que terão por finalidade principal melhorar as condições de infraestrutura e estimular o crescimento e o desenvolvimento
econômico, atraindo novos empreendimentos e fortalecendo as empresas já instaladas no estado.

  • Rodovias – negociar novo programa de concessões rodoviárias para ter uma justiça tarifária e maior benefício aos usuários, novo programa de duplicações e melhorias nas questões relacionadas.
  • Ferrovias – criação de novas ferrovias estratégicas.
  • Energia – apostar em programas que apoiem a implementação de sistemas de geração e distribuição de energia por fontes renováveis.
  • Conectividade – usar os serviços da Copel Telecom para fornecer wifi gratuito em regiões de risco social que não são atendidas por empresas privadas.

E) Futuro Paraná

Ações e programas que serão plantadas por este Governo para serem colhidas pelas futuras gerações paranaenses.

  • Sustentabilidade – incentivar a adoção de práticas mais sustentáveis tanto de produção como comercialização, economia circular, objetivos que atendam aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU, os ODS.
  • Energia – patrocinar o Plano Energético Estadual do Paraná, num período de 20 anos com revisão a cada quatro anos.
  • Recursos hídricos – promover programas para proteção, revitalização e recuperação de rios, nascentes e cursos d’água, promover educação técnica e ambiental para cidadãos, aumentar o combate às fontes de poluição com o aumento do rigor na fiscalização, revisar e atualizar o Plano Estadual de Recursos Hídricos, apoiar Planos Municipais de Gestão de Drenagem Urbana Sustentável.

2. Dr. Rosinha – Partido dos Trabalhadores (PT)

Plano de Governo:

  • Informação e telecomunicação – melhoria da oferta de serviços públicos pela informatização da gestão pública, transparência e controle social, expansão da banda larga pública. Abertura dos dados públicos para desenvolvimento de sistemas de informação de uso direto pela população.
  • Desenvolvimento Social – “os vários Paranás”
  • Saúde – propostas:
    • Financiamento e Gestão – 12% das receitas próprias do estado para o SUS.
    • Melhoria da Gestão – Programa Economia para Saúde.
    • Acabar com as filas – programa para informatizar a saúde com recursos da CELEPAR e da COPEL/Telecom.
    • Polo Tecnológico em Saúde – Pesquisa, Inovação e Qualidade – Programa Padrão de Qualidade, criar a Força Estadual de Saúde.
    • Fortalecer Núcleos de Auditoria controle e avaliação de serviços.
    • Informatização – Registro Eletrônico Único em Saúde.
  • Educação – propostas:
    • Nova Lei do Sistema Estadual de Educação.
    • Ampliar Educação em Tempo Integral para as escolas, implantar currículo integrado.
    • Retomar projetos e programas escolares, assim como contraturno.
    • Retomar o Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE).
    • Garantir debate sobre a implementação da Base Nacional Comum Curricular para o Ensino Fundamental e o Ensino Médio.
    • Programa Permanente de Intervenções na Infraestrutura das escolas.
  • Cultura – propostas:
    • PRA Cultura (Pontos Regionais de Articulação Cultural),  envolvendo universidades, órgãos municipais de cultura, agentes culturais.
    • ampliar o orçamento da Cultura conforme a PEC 150, para 1,5% do orçamento estadual.
    • fomentar através de editais do Profice, o Programa de Fomento
      e Incentivo à Cultura , a produção, circulação e consumo de bens
      culturais.
    • Sistema Estadual de Informações Culturais.
    • estimular economia criativa.
  • Combate ao racismo – propostas:
    • implementar o PNDH3 – Programa Nacional de Direitos Humanos.
    • campanhas de fiscalização contra as desigualdades raciais nas relações trabalhistas.
    • criar SOS Racismo.
    • desconstruir com políticas o caráter patriarcal e racista do estado, numa perspectiva feminista e antirracista.
  • Mulheres – propostas:
    • Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres.
    • ampliação, multiplicação e reequipamento dos Centros de Cidadania da Mulheres, Casas de Passagem e de Abrigo, previstas no artigo 35 da Lei Maria da Penha .
    • implantar a Patrulha Estadual Maria da Penha.
    • Casa da Mulher Paranaense em cada região do estado.
    • criar selo “Empresa Amiga da Mulher” para empresas que garantam salários iguais entre homens e mulheres com no mínimo paridade nos cargos de chefia (MEDIDA MACHISTA)
  • Juventudes – Secretaria Estadual de Juventude.
  • Esporte – Projeto Verão e Lei de Incentivo e do Fundo Estadual.,
  • Direitos Humanos – propostas:
    • Campanha Coração Azul da ONU.
    • Lei de Inclusão.
    • Conselho de Cidadania LGBTI.
    • Observatório Paranaense de Direitos Humanos.
  • Reforma agrária.
  • Povos e comunidades tradicionais – propostas:
    • Economia Solidária (EcoSol).
    • Segurança Alimentar.
    • Selo de Identificação de Origem Povos e Comunidades Tradicionais do Paraná.
    • recuperação de estradas.
    • Fundo de Terras do Estado do Paraná.
  • Assistência Social.
  • Segurança alimentar.
  • Segurança pública – propostas:
    • Gabinete de Gestão Integrada de Segurança Pública – GGI/PR.
    • Departamento de Inteligência – DIEP.
    • Centro de Comando Integrado Especial da Fronteira.
    • Delegacia sem Detentos(as).
    • garantia de material de consumo e material de higiene pessoal para mães e bebês.
    • body scanner para findar as revistas de visitantes e agentes.
  • Mobilidade urbana – propostas:
    • tarifas integradas e justas.
    • corredores de transporte.
    • Minha Cidade de Bicicleta.
    • Bicicletários.
    • paz no Trânsito.
  • Habitação – propostas:
    • Zonas Especiais de Interesse Social.
    • assentamentos da reforma agrária.
    • Cheque Moradia/Credicasa.
  • Desenvolvimento Econômico.
  • Agricultura – propostas:
    • redução do uso de agrotóxicos.
    • ATER Digital – sinal de internet para as áreas rurais.
  • Indústria, comércio, serviços, emprego e renda – propostas:
    • Inova Empresas Paraná.
    • Centros de Inovação e Qualificação.
    • Soberania Alimentar.
  • Infraestrutura e logística – propostas:
    • pedágio – empresa estatal para administrar os pedágios do estado.
    • infraestrutura e logística.
  • Turismo.
  • Ensino superior, ciência e tecnologia.
  • Relações Internacionais – propostas:
    • Fórum de Relações Internacionais.
    • integração regional.
    • Coordenadoria de Relações Internacionais do Paraná.
  • Tecnologia da informação – banda larga para todos.
  • Desenvolvimento ambiental.
  • Meio ambiente – propostas:
    • Comitês de Bacias Hidrográficas.
    • Plano de Resíduos Sólidos Municipais.
    • Conservação da Mata Atlântica.
    • Saúde Animal.
  • Recursos Energéticos – propostas:
    • Tarifa Zero para quem não ultrapassar 120 kwh, usando o Cadastro Único da Assistência Social.
    • Parques de Energia.
    • Energias renováveis.
  • Saneamento e abastecimento de água.
  • Gestão Pública, Participação Social, transparência e valorização dos servidores públicos.

3. Geonisio Marinho – Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB)

  • Até o momento do post não havia plano de governo no site.

4. João Arruda – Movimento Democrático Brasileiro (MDB)

A) Transparência

O compromisso com a transparência e com o controle social.

B) Participação e Comunicação

O compromisso com a participação popular e a universalização dos meios de comunicação.

C) Planejamento e Eficiência

Recuperar a capacidade do Estado de intervir e modificar a realidade paranaense.

D) Solidariedade

O compromisso com a solidariedade e a segurança.

E) Emprego e Inovação

O compromisso com o emprego, o desenvolvimento e a inovação.

F) Sustentabilidade

arruda.png

5. Ogier Buchi – Partido Social Liberal (PSL)

Propostas:

  • inclusão social, crescimento econômico e sustentabilidade.
  • ajustar a política fiscal e o modelo de crescimento.
  • reduzir as secretarias e os órgãos da máquina administrativa estadual.
  • reduzir o número de cargos de confiança de livre provimento pelo Governo do estado.
  • combater a corrupção dos Órgãos públicos.
  • simplificar impostos e reduzir alíquotas em ação complementar à União.
  • fortalecer a ação na área da saúde e dos consórcios intermunicipais.
  • priorizar investimentos em segurança.
  • apoiar os municípios nas políticas de melhoria de renda.
  • promover melhoria da qualidade do ensino médio.

6. Priscila Ebara – Partido da Causa Operária (PCO)

Programa geral:

  • não às reformas do governo Temer.
  • não ao salário mínimo de fome, por um salário mínimo vital – que não pode ser menor do que R$ 4.000,00.
  • não ao desemprego, a única via para os trabalhadores – redução das horas trabalhadas, trabalhar menos, trabalharmos todos. Máximo de 35h semanais de jornada de trabalho.
  • abaixo a superexploração da classe operária.
  • abaixo todas as “reformas da Previdência” – aposentadoria 30 anos para homens, 25 para mulheres.
  • que os patrões arquem com os custos da crise.
  • mulheres, negros.
  • trabalho e terra.
  • contra o imperialismo – cancelamento de tudo relacionado ao exterior

Ao ver essa proposta, podemos perceber, claramente que quem formulou este documento não leu nosso artigo falando da importância da política externa nas nossas vidas (COLOCAR LINK ASSIM QUE FOR POSTADO)

  • contra a política de seguidismo à burguesia e ao seu governo: pela organização independente da classe operária e das massas exploradas.
  • abaixo a ditadura civil, pelos direitos democráticos dos trabalhadores e da população oprimida.
  • contra os governos patronais e sua política antioperária: lutar por um governo dos trabalhadores da cidade e do campo.

7. Professor Ivan Bernardo – Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado – PSTU

Propostas:

  • romper com o Imperialismo e com o capitalismo para garantir o fim da desigualdade, da opressão e da violência.

Mais uma vez não leram o post sobre Política Externa no nosso cotidiano.

  • por emprego, salário, terra e direitos para todos –  redução da jornada sem redução do salário, dividindo as horas de trabalho para que todos possam trabalhar sem rebaixar os salários, salário mínimo de R$ 3.752,00.
  • as demais propostas podem ser lidas clicando no nome do candidato.

8. Professor Jorge Bernardi – Rede Sustentabilidade (REDE)

Plano de Governo:

A) Democracia de Alta Intensidade

Objetiva atingir altos índices de desenvolvimento humano, com enfoque em indicadores de felicidade dos cidadãos, visando o bem-estar físico, psicológico, comunitário, cultural, financeiro, educacional, a promoção de atividades de lazer, participação comunitária e política.

B) A Educação (fortalecimento do ensino médio e criação e ampliação dos recursos técnicos pós médios)

O ensino deve ter como princípio fundante proporcionar uma sociedade democrática, solidária e com justiça social, baseada na igualdade de oportunidades para todos.

C) Regionalização Sustentável

Propõe-se instituir efetivamente as regiões metropolitanas, aglomerações urbanas e microrregiões, com estrutura para que as funções públicas de interesse comum sejam materializadas. Promover a efetiva descentralização administrativa do estado de acordo com a divisão geográfica é outro objetivo.

D) Desenvolvimento Urbano (Cidades)

A política de desenvolvimento urbano deverá se fundamentar nos princípios constitucionais de ordenar as funções sociais das cidades e promover o bem-estar social de seus habitantes. As cidades devem abrigar a todos, com a inclusão por meio de planificação espacial e ações sociais.

E) Agricultura Familiar e o Agronegócio

A agricultura familiar e o agronegócio, utilizando tecnologias avançadas,
conseguem alta produtividade que movimenta a economia do Estado. O estímulo a produtividade agropecuária sustentável é nosso principal compromisso com os produtores rurais e a sociedade paranaense.

F) Infraestruturas (Estradas, Ferrovias, hidrovias e aéreas)

G) Segurança Pública

H) Direitos Humanos e Cidadania

A política estadual de direito humanos e cidadania deverá estar voltada para a efetivação dos direitos fundamentais e direitos sociais, previstos na Constituição Federal. Combater qualquer tipo de preconceito, discriminação étnica, religiosa, pessoas com deficiência, assegurando os direitos das minorias, em especial os povos indígenas, negros, quilombolas e com outras orientações sexuais.

I) Gestão Pública

A eficiência e a eficácia, na prestação dos serviços públicos, são objetivos a serem perseguidos constantemente pela administração pública estadual. Para que que as metas sejam alcançadas, fundamental é a modernização
das práticas e procedimentos administrativos, desburocratizando o máximo os processos, oferecendo serviços online aos cidadãos acessíveis a todo tipo de dispositivos.

J) Saúde

Prevenir o aparecimento de doenças e a universalização e melhoria dos serviços prestados à população. A ênfase, portanto, será na prevenção de doenças, com políticas públicas voltadas a qualidade de vida, a condições dignas de moradias, saneamento ambiental, alimentação saudável, redução da violência e promoção da cultura da paz e segurança no trânsito.

K) Habitação

L) Esportes

M) Tecnologia e inovação

N) A Economia (Pequena, médias e grandes empresas)

O) Paraná no Mundo e no Turismo

P) Cultura.

A cultura deverá se constituir num instrumento de valorização da história e da formação do Estado do Paraná, principalmente das diversas etnias que ocuparam, ao longo dos séculos, o nosso território. Valorizar as manifestações culturais locais e divulgá-las por meio da rede pública de comunicação deverá ser uma das premissas.

Q) A Juventude

O enfoque na juventude deve começar pela base, com ações microrregionais e prioritariamente na periferia da capital e região metropolitana se alastrando por todo o Paraná. Com isso, as ações podem ser ligeiramente generalizadas e adaptadas seguindo as diferenças regionais, econômicas e socioculturais.

R) As Políticas Sociais

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODS, norteiam as políticas sociais de nossa proposta para o Governo do Paraná. É meta governamental erradicar a pobreza, acabar com a fome, assegurar uma vida saudável, reduzir as desigualdades sociais, entre outros objetivos.

9. Professor Piva – Partido Socialismo e Liberdade (PSOL)

  • As propostas estão disponíveis no link do nome do candidato.

10. Ratinho Junior – Partido Social Democrático (PSD)

  • Bancos de Projetos Estratégicos.
  • Novo modelo para a Agência Reguladora – AGEPAR.
  • Crescimento sustentável alicerçado em princípios éticos.
  • Segurança energética.
  • Desenvolvimento Regional ancorado nos Ecossistemas de Inovação.
  • Desenvolvimento social.
  • O futuro é das crianças.
  • Uma juventude preparada para crescer junto com o Paraná.
  • A defesa e o fortalecimento do protagonismo das mulheres.
  • Idosos: um futuro melhor para quem construiu o presente.
  • Pessoas com deficiência.
  • Uma população saudável exige eficácia na gestão da saúde.
  • Educação.
  • Segurança Pública: a grande demanda da sociedade.
  • Consolidação da política de Habitação do Estado.
  • Trabalho

Espero que tenha ajudado no estudo da escolha de seu candidato. Não esqueça de curtir e compartilhar em suas redes sociais!

Até o próximo post.

PleasingImpressiveIndochinesetiger-size_restricted

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s